Dicas de Viajantes

Imbassay - Encontro do rio com o mar
Guia da Cidade Hotéis e Pousadas Aluguel por Temporada Envie sua dica
Filtrar por categoria
Em destaque
Mais recentes

"Salvador Maravilhosa"

Enviada por Tamires Stefany Pacheco

Foi com a família em 2020 e achou Excelente!

Bom como sempre consultei o site para dicas de viagem aqui vai a minha dica, li vários relatos aqui sobre a cidade de salvador e confesso que fiquei com medo, porém quando cheguei lá foi tudo diferente.

Fiquei hospedada na Barra, bem perto da praia da Barra que é uma delícia, fui muito bem recebida desde hotel até o atendimento nos restaurantes e bares, meu maior medo foi na hora de ir ao pelourinho, pois há vários relatos de assédio por parte dos ambulantes aos turistas porém o que eu vivi foi totalmente diferente, pode ser porquê fui na época da pandemia, Dezembro 2020 , e não havia muitos ambulantes, e os que tinham e ofereciam coisas com uma simples recusa eles simplesmente iam embora sem ameaças ou algo do tipo, muito pelo contrário, sempre muito simpáticos.

A cidade é linda, conhecer o pelourinho, a igreja Matriz ,os museus, as praias, a igreja do Bonfim, enfim tudo muito lindo, a cidade transborda história eu fiquei simplesmente apaixonada por salvador, voltaria um milhão de vezes e recomendo a Todos.

"Sorria, você está na Bahia!!"

Ana Carolina

Enviada por Ana Carolina

Foi a dois em 2019 e achou Muito bom

Oii gente... Eu e meu esposo estivemos na Bahia durante 6 dias, sendo 4 em Salvador e 2 na Praia do Forte.
Bom segue algumas dicas a vocês:

Ficamos hospedados no Hotel Porto Salvador, não tem nada de luxo, mas tem uma localização maravilhosa, mercado bem na frente, bem pertinho do farol da barra e uma quadra da praia Porto da Barra.

1° dia: Ficamos ali na praia porto da barra mesmo, já adianto que é cheio de ambulantes e a praia não é tão limpa, mas deu pra curtir o pôr do Sol que é lindo demais.

2° dia: Fizemos o passeio de catamarã para Ilha dos Frades e Itaparica R$60,00 (por pessoa). O passeio é bem animado, com direito a grupo de pagode durante o percurso. Na ilha dos Frades é cobrado uma taxa de 10,00 para entrar na Ilha, mas vale muito a pena. A parada para o almoço fica em Itaparica no valor de R$40,00 mas se vc não quiser pagar esse valor, vale levar coisas para fazer um piquenique.

3° dia: Fomos ao Pelourinho. É fato que muito gente fica oferecendo coisas como foto com a Bahiana, pintura do Olodum, fitinhas e digo que NADA é de graça, então se você não estiver afim, faz igual a gente, fala obrigada pra tudo e tchau kkk. 
Visitamos a Igreja de São Francisco que custa R$5,00 pra entrar. Fomos até a loja do Olodum que dependendo do valor que vc compra eles até parcelam no cartão. Fomos até a casa que o Michael Jackson gravou o clipe, nesse lugar você compra alguma coisa de R$5,00 e já pode subir na sacada. Andamos no elevador Lacerda por R$0,15 e fomos ao mercado modelo tbm, que tem ótimos artesanatos e bem mais em conta comparado a outros lugares que vimos.

4° dia: Praia do Flamengo. De onde estávamos hospedados (Barra) até a praia do Flamengo de uber ida e volta deu mais ou menos R$80,00. O mar é bem agitado, se vc optar alugar um guarda sol e cadeiras, saiba que não tem estrutura pra caso você queira ir ao banheiro ou tomar uma ducha.

Bom e pra quem gosta de curtir uma noite de barzinhos e música AO VIVO em Salvador, recomendo ir ao bairro Rio Vermelho, segurança e entretenimento nota 10.

Bom a partir daqui começa a outra parte da nossa viagem em Praia do Forte.
Fomos até a praia do Forte de ônibus de rodoviária R$10,00 por pessoa. Eles te deixam em um ponto onde você pega outro ônibus R$3,00 e em uns 3 minutos você chega na praia do Forte.
Ficamos hospedados na pousada João Sol. Ali na praia do Forte você pode fazer tudo a pé.

5° dia: Praia do Portinho. A praia não é muito limpa. Vale almoçar na Vinopizza, gostamos tanto que os dois dias que ficamos lá fomos almoçar nesse lugar. Pratos a partir de R$17,50.

6° dia: Praia do Lord. Praia de piscinas naturais. Bem limpinha. Tem uns meios de locomoção que chamam BICITÁXI eles te cobram R$40,00 reais pra levar e buscar nessa praia e ainda se você der uma chorada eles dão uma volta pela vila da Praia do Forte já incluso nesse valor.

A volta para Salvador foi de Van que custa R$8,00 (por pessoa) eles te deixam na estação do aeroporto onde você pega outro ônibus que te deixa bem na porta do aeroporto no valor de R$3,75. 

Eu sei que quando fomos ver valor de uber pra ir e voltar da Praia do Forte queriam cobrar da gente R$260,00 acredito que táxi seria mais ou menos isso tbm, isso se não fosse mais. E somando todo valor de transporte que gastamos indo e voltando do jeito que a gente foi no final acabou saindo por R$70,50 isso para 2 pessoas.

Esses foram nossos 6 dias na Bahia :)

"Vale a pena curtir"

Enviada por Bete

Foi a dois em 2010 e achou Muito bom

Barraca Baionês
Barraca Baionês Enviada por Bete
Praia de Falmengo em Salvador, distante quase 30 km da área central, vale á pena visitar mais que um dia:

Água limpa, areia cristalina, barracas bem estruturadas para os turistas longe da muvuca e do assédio dos vendedores do centro histórico (mas tem vendedores na praia), mas no periodo de março não tem muito e não incomodam tanto.
nesta praia vale a pena ficar na Barraca Baionês. A do Loro tão conhecida só é mais uma barraca.Há várias outras com bom serviço, simplicidade e bons petiscos.

Aproveite e faça uma caminhada em Stela Maris (uma praia antes) ótima para caminhar ou correr. Igualmente Jaguaribe, plana, água calminha, boa para quem tem crianças e tambem gosta de uma boa caminhada na areia.

Itapuã só é bonita olhando para o mar, virou as costas uma muvuca só, o mesmo para barra, Farol da Barra. Vale a pena só olhar ou entrar no mar, mas para passar mais horas, descansar e ver boa paisagem e gente bonita recomendo Stela Maris e Flamengo.Todas você pode ir não só de carro, mas ônibus comum, frescão (micro onibus com ar condicionado). Aproveite.

"Pelourinho - ótimo passeio, mas é bom ficar atento"

Flavia Farias

Enviada por Flavia Farias

Foi com amigos em 2014 e achou Excelente!

O Pelô...
O Pelô... Enviada por Reinaldo Fernandes
Pelourinho um dos cartões postais de Salvador. Fui durante o dia como a noite. Fui em grupo. Vi policiamento nos dias que fui. Mas o assédio dos ambulantes é algo fenomenal. Você é cercado por todos eles, vendendo cordões, fitinhas, etc. E outra eles nunca tem troco. Se pagar com dinheiro inteiro, o troco vai ser uma outra fitinha do Senhor do Bonfim. Recomendo não andar com muita coisa de valor. E preferível andar em grupo. Vale a pena conhecer...é tudo muito bonito e limpo, visto de outras dicas que deram aqui, não vi sujeira. Mas a falta de segurança, mesmo tendo policiais, é preocupante. Quer tirar foto com a baiana, preferível, em algumas lojas maiores, no Pelourinho mesmo, que não cobram. Já as que ficam rondando a Casa Cultural Jorge Amado, para tirar foto cobram a partir de R$ 5,00.

"Evite Taxi"

Andreia Nunes Ferreira

Enviada por Andreia Nunes Ferreira

Foi a dois em 2013 e achou Excelente!

Em Salvador tudo é longe. Não existe uma grande zona que comporta os turistas, mas mesmo assim não achei necessário a locação de carro. Utilizamos apenas o transporte público. Do aeroporto para o Hotel fomos de Ônibus convencional. O Executivo é o dobro do preço. A diferença do é que o executivo tem ar condicionado e o convencional não tem.

"Passeio na Orla do Porto da Barra"

Marinete Martins

Enviada por Marinete Martins

Foi sozinho em 2014 e achou Excelente!

Lugar lindo e muito visitado
Lugar lindo e muito visitado Enviada por adelia lima
Se for a Salvador fique próximo a Praia Porto da Barra, tem barzinhos, shopping, praia do farol da barra, com muitas pousadas e hóteis, pegando o Salvador Bus você irá a cidade histórica e outros pontos turisticos.

"Não deixe de conhecer Itaparica"

Natalia Lima

Enviada por Natalia Lima

Foi com amigos em 2015 e achou Bom

Pôr do Sol na volta para Salvador
Pôr do Sol na volta para Salvador Enviada por Natalia Lima
Estando em Salvador, vale a pena aproveitar um dia para conhecer a ilha de Itaparica.

Para ir, basta pegar uma lancha que sai a cada 30 minutos do Terminal Marítimo que fica em frente ao Mercado Modelo.

Para quem estiver na barra, qualquer ônibus que vá para o COMÉRCIO, passa perto do terminal.

A viagem é tranquila já que não é mar aberto. Porém, são 40 minutos e, dependendo da maré, o balanço pode enjoar. Então, para os mais sensíveis sugiro tomar um remedinho antes.

A lancha vai te deixar em Mar Grande, onde você será abordado por vários guias. Você pode fechar com eles ou combinar com algum taxista para te levar até Itaparica (foi o que fizemos e saiu bem baratinho R$ 20 a corrida). O taxista nos deixou na PRAIA PONTA DE AREIA, umas das principais da Ilha.

Lá você aproveita o mar calmo de águas quentes e ainda pode se deliciar com os quitutes das barracas que servem peixes, moquecas e diversos outros petiscos.

Combinamos um horário com o mesmo taxista e ele passou lá para nos buscar. A última lancha sai da ilha às 18h. Então, fiquem atentos ao horário. Como saímos umas 17h, ainda deu pra curtir o pôr do sol do barco - foi lindo :-)

"História e diversão"

Reinaldo Fernandes

Enviada por Reinaldo Fernandes

Foi a dois em 2017 e achou Muito bom

O Pelô...
O Pelô... Enviada por Reinaldo Fernandes
Fomos em Salvador em maio/2017, portanto, em baixa temporada, e tudo estava muito tranquilo, tanto lugares para estacionar o carro (locado), quanto a quantidade de pessoas e a segurança local. Realmente a região do Pelô é perigosa como já tínhamos visto no Férias Brasil, portanto, tenha cuidado ao extremo. Estacionamos o carro na rua, não recomendável, mas numa vaga logo em frente a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, quase em frente a base da Polícia Militar, inclusive eu sendo policial civil - MS, logo que parei o carro, conversei com alguns PMs, que me disseram que alí seria muito seguro. A subida do Elevador Lacerda é show (vc paga o valor simbólico de R0,15 cents para subir ou descer), bem diferente de tudo que já tinha visto, a história do lugar e a vista da paisagem são lindas. Existem vários guias, que cobram valores em média de R$60,00 a R$80,00 para lhe acompanhar, de modo que pela história até vale a pena, mas optamos em não pagar e fazer o passeio livre e a vontade, o que acho que seja mais vantajoso. Andamos sempre a vista do policiamento, que é muito presente no local, e não saímos do trecho tido como seguro. Fomos a Casa onde Michael Jackson cantou com o Olodum, fomos a casa do Olodum, convento de São Francisco de Assis (imperdível), uma da únicas fachadas de Igreja no mesmo estilo, encontradas no Brasil, se não á única. A região possui muitos usuários de drogas, portanto, cuidado redobrado com equipamentos eletrônicos e jóias, as quais não recomendo o uso.

"Salvador - Férias - Turismo"

Enviada por Fabrício Mota Viana

em 2015 e achou Excelente!

Farol da Barra
Farol da Barra Enviada por Fabrício Mota Viana
Olá viajantes, me chamo fabrício e sou de fortaleza-ce... antes de realizar minha viagem de férias para salvador utilizei bastante o site férias brasil onde peguei informações preciosas que me ajudaram bastante, então nada mais justo de voltar e postar minha experiência e dicas que acho super valiosas.

Irei separar minha postagem em 03 etapas. a primeira irei falar sobre a situação atual da cidade de salvador (infraestrutura, trânsito, etc...), a segunda irei falar sobre os passeios (lugares, valores, etc...), e a terceira irei falar sobre algumas dicas e indicações de profissionais que podem ajudar outros viajantes. vamos lá....

Etapa 1:
minha viagem foi do dia 16/07 à 28/07/2015, ficamos na casa de parentes no bairro chamado boca do rio, que fica entre as praias do rio vermelho e itapuã. nossa localização era boa, ficamos perto da orla (av. otávio mangabeira) e o acesso as praias eram bem rápidas. toda a cidade de salvador está passando por revitalização, o atual prefeito acm neto está reestruturando toda a cidade,que em alguns momentos pode causar alguns transtornos, mas que sabemos que no final é bom para a cidade. o transito de salvador ao contrário do que falavam está ótimo, ninguém buzina... só achei estranho porque lá ninguém liga a seta quando vai dobrar, mas enfim, cada cidade com sua cultura.... kkk estamos de carro alugado e utilizamos em todos os dias o aplicativo waze e chegamos tranquilos a todos os destinos programados.

Etapa 2:
17/07 - fomos para o farol da barra - lá tiramos algumas fotos e tem o museu náutico onde pode pagar 15 reais e realizar a visitar e assistir o por-do-sol lá de cima do farol; depois ficamos na praia ao lado do farol, praia do farol da barra, lá pagamos r$ 12,00 por um guarda-sol e 03 cadeiras de praia. a cerveja custava 6 reais, refrigerante 4,00 e comemos bastante queijo coalho onde os ambulantes vendem 2 por 5,00. depois fomos para o jardim de alah, quer uma dica? lá não tem nada, a não ser que você queira uma massagem onde lá terá inumeros massagistas.
18/07 - fomos no mercado modelo; elevador lacerda (r$0,15 centavos); sorveteria da ribeira (r$7,00); igreja do bonfim e forte de mont serrat.
19/07 - lagoa do abaeté - aconselho que vá durante os dia, nada de ir no final da tarde ou a noite, lá não tem policiamento e conta apenas com seguranças particular durante o dia contratados dos restaurantes que lá tem.
20/07 - passamos o dia na praia porto da barra, na minha opinião a melhor praia que já fui na minha vida, aguá parada e transparente (guarda-sol r$6,00 e cadeiras r$4,00 cada uma; cerveja 6,00 / refri 4,00)
21/07 - praia do forte: fomos pela estrada do coco e percorre por 70km (estávamos de carro alugado, na etapa 3 falarei da empresa onde aluguei). lá tem o projeto tamar onde paga-se 20,00 reais por pessoa que na minha opinião vale a pena, muito bonito o projeto.
22/07 - fizemos mergulho e stand up na praia do porto da barra (na etapa 3 falarei da empresa e valores) perfeito - aconselho fazer, experiência inenarrável.
23/07 - morro de são paulo - pegamos um ferry boat pois estávamos de carro (r$50,00 o carro + 4,60 por passageiro, o motorista não paga), descemos em mar grande e andamos mais 110 km de carro até valença, onde deixamos o carro e pegamos uma lancha rápida (20,00 por pessoa) e andamos em mar aberto por 30 minutos até morro. lá pagamos uma taxa de preservação de 15,00 por pessoa e conhecemos as 4 praias andando. aconselho que quem puder vá em um dia e volte no outro, fiz o passeio em apenas um dia e de carro levamos 3 horas para ir e 3 para voltar, as empresas de turismo cobram 180 reais por pessoas e de carro economizamos bastantes.
24/07 - pelourinho, lá andamos e conhecemos a igreja de são francisco (de ouro) é cobrado 5,00 reais por pessoa.
25/07 - conhecemos a ceasinha o antigo mercado do rio vermelho, ele foi revitalizado e está bastante mudado e bem frequentado, porém os preços deram uma aumentada. vale a pena ir lá para conhecer se não quiser comprar nada.

Os demais dias repetimos passeios ao pelourinho, praia porto da barra e mercado modelo para compras, aliás é o melhor lugar para comprar (mercado modelo), mas que pesquise em outros pontos,o mercado modelo é o melhor lugar, pois tem tudo em um único canto e não perde muito tempo atrás de economizar.

Etapa 3:
aqui irei falar das empresas que indico:

Aluguel de carro: salvador transfer - contato através da flávia, uma pessoa bastante atenciosa e de uma educação muito grande, nos orientou bastante, inclusive bateram no nosso carro e ela foi bastante compreensiva, apenas disse vá curtir suas férias e quando entregar eu mando ajeitar. deixei o valor estipulado e ela resolveu... não tem tantas burocracias que muitas vezes atrapalham... super indico. os 12 dias paguei 800 reais... preço excelente, pois de táxi qualquer viagem em salvador dá entre 50 e 80 reais e minha diárias saiu por 66,00 super em conta, pois em 12 dias gastei 200 reais de gasolina, colocando álcool de r$2,26.
nome: flávia
empresa: salvador transfer
telefone: (71) 9910-8939 (zap) / 9235-8421 / 8699-6595

Mergulho: realizamos pela empresa submerso esportes aquáticos, com o proprietário robson. sua atenção nos conquistou desde o primeiro contato, sua experiência e tranquilidade também nos passou bastante confiança... super indico! pagamos r$119,00 por 1 hora de mergulho e 1 hora de stand up.
nome: robson oliveira.
empresa: submerso esporte aquáticos
telefone: (71) 3035-3096 / 8705-6860 (zap)

Outra dica é: quem quiser economizar em passeios faça os passeios com as empresas que ficam atrás do mercado modelo, as empresas de turismo cobram em torno 90 reais por pessoas cada passeio e lá sai por 40 cada.


Espero ter ajudado a todos, pois nossa viagem foi excelente.

Obrigado por tudo.... fabrício viana.

"Vila e Praia do Forte"

Reinaldo Fernandes

Enviada por Reinaldo Fernandes

Foi a dois em 2017 e achou Excelente!

Passeio na vilinha
Passeio na vilinha Enviada por Reinaldo Fernandes
Um passeio bem aconchegante pra quem vai a Salvador/BA. Há cerca de 70 Kms, com estrada duplicada e de boa qualidade, vale a pena conhecer e sair do fervo da capital. 

Você vai pagar cerca de R$10,00 de pedágio pra chegar a Vila do Forte, que é um lugar muito legal, ao estílo Porto de Galinhas, onde você pode passar o dia na praia, tomando uma cerveja gelada e num valor razoável e depois passear pelos calçadões da vila. Ainda tem o projeto Tamar pra você conhecer. Jantamos no Restaurante Made In Bahia, o qual recomendo, com musica ao vivo (pop/mpb/regional) com um cantor Show de Bola (Seu Francisco) e uma Moqueca deliciosa, além da cerveja Serra Malte super gelada. Preço muito bom prum farto prato para dois há R$70,00.

Quanto ao carro, locamos da Foco, pagando a diária de R$60,00, portanto, bem em conta, melhor do que depender de Taxi ou Uber.
Obs.: Muitas pedras no mar, mas legal pra banhistas.
Mais dicas

Mais informações e atrações de Salvador

Copyright 2000-2021 Férias Brasil©