Porto Seguro (BA)

-

Ponto de partida para belos destinos do Sul da Bahia, a cidade também guarda muitos cenários encantadores, além de histórias. Antes de seguir para as praias, como a badalada Taperapuã ou a tranquila Mutá, aproveite para circular pela Cidade Histórica, instalada no topo de uma falésia debruçada sobre a orla. Com o sol ainda baixo, a caminhada é agradável e as luzes são perfeitas para fotos. Entre as estrelas estão o colorido casario colorido, a Igreja de Nossa Senhora da Pena, o Museu e Porto Seguro e o Marco do Descobrimento. Capriche no roteiro, contemplando ainda as vilas vizinhas como Santo André, Trancoso, Arraial d´Ajuda, Praia do Espelho e Caraíva.

Aracaju (SE)

Cesar Oliveira

A capital sergipana capricha quando o assunto é variedade de passeios - os de barco pelos rios levam a belos cenários como a Croa do Goré e à Ilha dos Namorados - e de atrativos, como a Orla de Atalaia reúne quiosques, calçadão, ciclovia, fontes luminosas e um oceanário. Por lá fica a badalada Passarela do Caranguejo, um trecho tomado por bares e restaurantes que servem o melhor da cozinha regional. Para conhecer a fundo a rica história do estado, siga para o Museu da Gente Sergipana, que ocupa um prédio restaurado de 1926. Quer mais? Nos arredores da capital (200 km) fica um dos cenários mais bonitos do Estado, o cânion de Xingó, desbravado a bordo de escunas e catamarãs que cortam as águas verdes do rio São Francisco.

Maceió (AL)

Jannyne Barbosa

Com um litoral encantador - as águas em tom azul bebê são exclusivas do estado - a capital alagoana também é ponto de partida para cenários paradisíacos! Antes, porém, é preciso explorar as belezas de Maceió, como as piscinas naturais de Pajuçara e de Paripueira. Em seguida, é hora de seguir para o litoral norte rumo à Barra de São Miguel, onde fica a praia do Gunga. Prefere o litoral sul? Então, prepara-se para se encantar com São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras, onde estão as paradisíacas praias do Patacho e da Lage. No caminho, conheça o Projeto Peixe-Boi, na vila de Tatuamunha!

Fernando de Noronha (PE)

-

O paraíso está ainda mais perfeito para mergulhar! Até novembro, o mar de águas transparentes está calmo, convidando a cair na água de máscara e snorkel ou com equipamento completo de mergulho. Praias como Sancho, Atalaia, Sueste e Conceição são as mais indicadas para flutuação em meio a peixes coloridos, tartarugas de todos os tamanhos, arraias, polvos... Para apreciar o pôr do sol, a dica é seguir para o mirante do Boldró, onde o espetáculo é emoldurados pelos Dois Irmãos. Não deixe de tirar uma manhã para explorar o Forte dos Remédios, com vistas espetaculares da ilha.

João Pessoa (PB)

Ze Marques

Atrativos não faltam na capital paraibana e em seus arredores - são encantos naturais e históricos, além da gastronomia típica regional. Em João Pessoa, os passeios começam pela linda orla urbana, formada pelas praias de Tambaú e Cabo Branco, repleta de hotéis, quiosques, bares e restaurantes. Em seguida, que tal curtir as piscinas naturais de Picãozinho, Seixas ou Areia Vermelha? Para fechar, siga para Cabedelo: o pôr do sol na praia do Jacaré, com direito a show de Jurandy do Sax, é emocionante! Capriche no roteiro para explorar as vilas do litoral sul, que abrigam praias como Tabatinga, Carapibus, Coqueirinho e Tambaba.

Jericoacoara (CE)

Flavia Lelis

Desde 2017 ficou bem mais fácil chegar na paradisíaca vila cearense. Um aeroporto na cidade de Cruz, a cerca de 30 km, recebe voos provenientes de São Paulo, Campinas, Belo Horizonte e Recife. Além da facilidade de acesso, saiba que de agora até o fim de novembro, Jeri está mais linda e festeira. Graças às chuvas do inverno, as lagoas - Azul e Paraíso são as mais concorridas - estão cheias, perfeitas para relaxar em redes e espreguiçadeiras na beira da água. E o período é também o dos bons ventos, atraindo velejadores do mundo inteiro que chegam para praticar kite e windsurf, colorindo as praias e movimentando as ruas ao anoitecer, logo depois do incrível pôr do sol na duna de mesmo nome.

Barra Grande (PI)

Aureliano Jose

Um pedacinho do paraíso está escondido no litoral do Piauí e atende pelo nome de Barra Grande. Os bons ventos atraem os velejadores no segundo semestre, mas as belezas naturais, as águas mornas e o sol constante atraem todos os visitantes! Protegida pela APA Delta do Parnaíba e integrante da Rota das Emoções, a região é perfeita para relaxar. Na praia de tombo que dá nome à vila, piscinas naturais de águas cristalinas se formam sempre que a maré fica baixa. Entre um mergulho e uma velejada, faça o passeio de barco até a ilha do Cavalo-Marinho - são cerca de 40 minutos de descida pelo rio Camboa, passando por vegetação de mangue com raízes aéreas.

Lençóis Maranhenses (MA)

Governo do Maranhão

Passada a temporada das chuvas na região, as lagoas de águas verdes e azuis do parque Nacional e arredores estão tinindo de cheias e lindas. E aguardando os visitantes para banhos refrescantes depois de caminhadas em meio às dunas de areias finas e brancas. Mas se o destino é o Maranhão, melhor se apressar! O cenário fica deslumbrante até meados de outubro, sendo a melhor época para fazer passeios de voadeira, apreciar o pôr do sol com direito a revoada de guarás e curtir paisagens como a da Praia de Atins, uma vila com lagoas menos concorridas e barracas de praia perfeitas para saborear camarões grelhados.



Compartilhe:
+ Especiais do Brasil
+ Ideias de Viagens
Copyright 2000-2018 Férias Brasil©