Dicas de Viajantes

Redes nas águas das Lagoas de Jeri
Guia da Cidade Hotéis e Pousadas Aluguel por Temporada Envie sua dica
Filtrar por categoria
Em destaque
Mais recentes

"Paraíso"

Enviada por Ricardo Damião

em 2020 e achou Excelente!

Enviada por Ricardo Damião
Jericoacora.  Um paraíso!    Aqui vai algumas dicas . O transfer do aeroporto para jeri e os passeios leste , oeste fiz com o louro , o cara é uma figura, fala muito o que ele não sabe ele inventa rsrs. 

Se você quiser fazer de quadriciclo chama o Natan, o cara é super paciente e prestativo. 

Vc não pode deixar de comer no Tobias da garanguejada, preço justo e excelente comida, no caminho do buraco azul , fala logo pro guia que vc quer almoçar lá.  

No centro de jeri se vc gosta de forró vai pro bar do bigode , se teu caso é comer pizza vai para o dogão. No mais é curtir o passeio .

"Fortaleza x Jeri"

Enviada por Luciana

em 2021 e achou Excelente!

Enviada por Luciana
Olá, fui em Jericoacoara duas vezes e fui levada pelo mesmo motorista de transfer, o nome dele é Jefferson e ele foi muito prestativo, me senti muito confortável e não tive nenhum problema. Fica aqui a minha indicação. 

"Dicas para Quem Vai com Pouca Grana"

Enviada por Francinete

Foi a dois em 2015 e achou Excelente!

Por do Sol em Jeri
Por do Sol em Jeri Enviada por Francinete
Em julho deste ano realizei um sonho... Estive em Jijoca de Jericoacoara com meu marido. Ganhamos a passagem de avião até Fortaleza, de lá pegamos o ônibus no aeroporto (Fretcar) que nos levou até Jijoca. Agora imaginem viajar com pouco dinheiro... Uma aventura!
Para gastarmos pouco com hospedagem ficamos na cidade de Jijoca, o valor saiu mais acessível ao nosso bolso. De onde estávamos íamos a pé para a Lagoa Paraíso, aproveitávamos a manhã toda! E na hora do hango caminhávamos até o restaurante do Sr Vilmo onde comíamos uma comidinha caseira deliciosa! 

Nada mais que 8,00 reais por pessoa, o restaurante é bem pequeno e simples fica próximo a Prefeitura de Jijoca na Rua Minas Gerais, é só perguntar que todo mundo se conhece. Onde ficamos era um apartamento com cozinha, então fizemos uma pequena compra para o nosso café da manhã.
Para Jericoacoara fomos só para fazer os passeios, nosso interesse mesmo era ficar na tranquilidade da Lagoa Paraíso.
Dicas: beba bastante liquido inclusive a água de côco, comidas leves, roupas leves e muito protetor solar.
Para os passeios indicamos o Edilson, uma pessoa que foi super, mega atencioso conosco! Conhece lugares maravilhosos para comer.

Enfim... Não há como descrever a beleza de Jeri, só indo lá para comprovar!
Uma época boa para ir para lá é no mês de agosto, está mais tranquilo e mais barato!

"Jericoacoara - Paraíso do Brasil"

Juliana Barreto

Enviada por Juliana Barreto

Foi a dois em 2018 e achou Excelente!

Meu marido e eu estivemos em Jericoacoara nos dias 07/05 a 11/05/2018 e ficamos hospedados na pousada Duna Beach Pousada e Chalet que é bem simples, porém bem aconchegante e confortável, não há do que reclamar e tem um ótimo custo beneficio, sem contar que a localização é perfeita, bem próxima a pracinha e rua principal de Jeri.

Dicas: Aproveitem a praia principal de Jeri, costuma ser vazia e tranquila, pois a maioria dos turistas costuma fazer os passeios durante o dia, e podem ter certeza não irão se arrepender, a praia é uma delicia!

Pedra Furada: Façam a caminhada com o grupo que se reúne todos os dias em frente ao restaurante Dona Amelia por volta das 15:30, um guia nos conduz até a pedra, caminhada em torno de 40 minutos, pelo Morro do Serrote que nos presenteia com uma vista linda da vila e do mar. (Obs: Não é cansativo)

Lagoa do Paraíso: Não deixem de conhecer é maravilhoso ficar naquelas redinhas dentro da água! Fizemos o passeio por conta,com as Hillux que saem da rua São Francisco, eles cobram R$ 20 por pessoa e te deixam na porta do restaurante lá na lagoa. Ficamos no Lua Cheia que tem uma ótima estrutura, comida deliciosa e preços bem mais em conta do que o Alchimisty.

Gastos: Em média gastamos em torno de R$300 por dia, cerca de R$100 por refeição com direito a sobremesa e bebidas. Os pratos para duas pessoas servem facilmente umas quatro (bom para quem viajar em família.)

Restaurantes: Comemos o famoso camarão no abacaxi do Dona Amélia e que faz jus a sua fama, porque é maravilhoso!

Tomamos todos os dias os sorvetes da Gelato e Grano e Jeri Mescla, melhor sorvete do mundo!
Minha preferida é a Jeri Mescla, sabores de Ninho, Frutas Vermelhas e Avelã huuum!

Comemos também no Dogão ao lado do Samba Rock, e no restaurante ao lado que oferecem Pizza, os dois são bons!

Jerimum: Nada demais, comida normal e sinceramente não vale o preço que cobram.

Caipiroska de Seriguela é maravilhosa não deixem de experimentar!

Transporte: Na ida pagamos um transfer de Fortaleza até Jeri, com a Rota Jeri e foi tudo tranquilo. Na volta, fizemos o trajeto com a FretCar, tudo tranquilo e a viagem é confortável e vc economiza bastante.

Duna por do Sol: Não deixem de apreciar o por do sol de Jeri, mesmo sobre as nuvens é espetacular e a duna fica na vila, pode aproveitar sem ter que pagar por isso!

Enfim é isso, espero que minhas dicas possam contribuir para a viagem de vocês! Bjos a todos!

"Jericoacoara em 2 dias"

Enviada por celi25.mcg@gmail.com

Foi com amigos em 2018 e achou Bom

O Paraiso É Aqui.
O Paraiso É Aqui. Enviada por celi25.mcg@gmail.com
Oi gente amiga, antes de cada viagem, utilizo muito as dicas do Ferias Brasil, por isso, seguem as minhas dicas tbm.

Fiz uma viagem rápida para conhecer Jeri, cheguei em Fortaleza dia 15/09 a noite, e fomos para jeri no dia seguinte , fizemos o transfer com a empresa girafa tur ida e volta paguei r$160,00, empresa pontual, onibus confortavél e limpo, o guia henrique muito educado e atencioso com todos. 

Chegando a Jijoca, trocamos o onibus pela jardineira que nos levou para jeri, pois lá não entra onibus e nem carros a não ser as jardinheiras e os 4x4. em jijoca é tbm onde pagamos a taxa de permanencia , se poder pague a taxa pela internet antecipadamente para não enfrentar fila neste local.

Chegando a jeri por volta das 14 hrs, almoçamos no restaurante do bigode, na rua do forro, de onde todos os dias por volta de 16 horas um guia local faz a caminhada para pedra furada, é gratuito, o pagamento é de acordo com sua consciencia.

Dia seguinte fiz o passeio do lado oeste de bugre, vimos as dunas , o mague seco e suas arvores de raizes enormes, encatador o lugar, e depois fomos a lagoa de tatajuba, esta não gostei, achei suja e com porcos a vista e passeando proximo ao local onde as pessoas tomam banho, o petisco do restaurante tbm não era bom, o peixe frito, não tinha um aspecto agradavel, cor branco com cara de cru e mergulhado no oleo. o passeio é de um dia inteiro.

No segundo dia, foi o lado leste , onde ficam as lagoas. a lagoas azul, a arvore da preguiça e a mais linda de todas. a lagoa do paraiso. essa é top. saimos da lagoa do paraiso perto das 13 horas porque tinhamos que voltar para fortaleza no mesmo dia, se tivesse mais um dia para ficar em jeri, era na paraiso que iria ficar mais dias.

É isso, na volta a fortaleza, fiz o passeio das 3 praias em um dia, morro branco, praia das fontes e canoa quebrada. na minha opinião tudo muito corrido, mas se vc não tem muito tempo e quer conhecer alguns lugares, então tudo bem.

Bom isso fui minha experiencia, espero que ajude alguém.

"Bela Jeri~* um pedacinho do Céu"

Carol Sampaio

Enviada por Carol Sampaio

Foi com amigos em 2011 e achou Excelente!

Duna do pôr do Sol...Jeri
Duna do pôr do Sol...Jeri Enviada por Carol Sampaio
Estive em Jeri no final de Julho de 2011. Fui com uma amiga passar 8 dias em fortaleza, pacote CVC normal. Tinhamos decidido passar o ultimo Final de semana em jeri pra aproveitar a viagem e fechamos tudo antecipado por conta.

Escolhemos pela internet a pousada Iracema, fica em uma das travessas da rua principal de Jeri, bem proxima à praia, R$ 130,00 por pessoa 2 dias com café da manhã. E fechamos o ônibus(redençao) 100,00 ida e volta.

A viagem é super cansativa 5h de fortaleza, 4h de ônibus mais 1h de Jardineira. Desconfortável sim, mais se optar em viajar durante o dia vai apreciando a paisagem de Jijoca beirando o mar.

Cheguei antes do almoço e ja fomos para praia. Que lugar maravilhoso... as canoas no mar completam a paisagem de um lugar paradisíaco. Na beira mar alguns restaurantes e pousadas.

Quando está no fim da tarde, é como um ritual, todos sobem a Duna do pôr do Sol para contemplar o momento mais lindo do dia.
O sol se pondo no mar é lindo... assistir esse espetáculo te da uma sensação de paz e liberdade. Vale a pena.

A noite em Jeri é linda tbm...o céu estrelado...você para pra comer na beira mar, comemos crepe os dois dias, muito bom... e ainda tinha uns Puffs na areia para deitar e ver as estrelas.
As ruas são de areia e a iluminação é por conta das lojas. Tudo muito diferente e encantador.
No dia seguinte fomos com uns amigos de carro para a Lagoa do Paraíso. SIM, é o paraiso.
Não conseguia parar de tirar fotos quando cheguei la, ja estava imaginando que ninguém ia acreditar que aquele lugar existia.

As mesas e cadeiras ficam dentro da àgua, assim como as redes... dentro da lagoa...lindo, convidativo, delicioso, indescritivel.
Ficamos o dia todo na lagoa, dentro da àgua, e saímos todos muito queimados. O calor é muito, mais dentro da àgua não sentimos. Eu esqueci, mais você não se esqueça do protetor Solar de hora em hora rs.
Enfim, o lugar é tudo isso que você vê nas fotos e mais um pouco...pq a melhor parte é como você se sente quando esta la.

Vale a pena, recomendo, não sai caro, será uma boa viagem estando sozinho, com namorado ou amigos.
Eu com certeza voltarei muitas vezes.
Me apaixonei por Jeri.

"Viagem a Jericoacoara"

Enviada por Felipe

Foi com a família em 2020 e achou Muito bom

Este site foi bastante útil para mim, desta forma eu retribuindo... Fiquei em Jericoacoara entre os dias 08 e 14/11/20.

Deixei o carro em Jijoca, na Cooperjeri, ao valor de R$10 a diária e fui p Jericoacoara na hilux (veículo mais comum) da própria cooperativa. Na chegada, a visão das dunas já impressiona. 
Hospedei na pousada Villa Cajú, recomendo.

No dia seguinte fiz o passeio do lado Oeste (R$60 por pessoa). Para quem for na parte externa do veículo, melhor ir de óculos para evitar areia nos olhos nas descidas das dunas. Muito bom. A parada para o almoço foi em Tatajuba. Na minha opinião, preços exorbitantes.

Na manhã do dia 11/11 fui para o lado Leste(R$50 por pessoa). Destaco a lagoa do paraíso, linda.
Nos outros dias, a opção foi por conhecer a vila. Tem bastante coisa para se ver.

Sobre refeições, fiquei freguês do restaurante da Nega(recomendo o peixe ao molho de camarão) e da barraquinha da Elisângela, ambos na rua São Francisco. Há uma pizzaria tb que vale a pena, fica no beco, em frente ao restaurante do bigode.

Senti falta de caminhar descalço nas principais ruas. Desisti depois de ver o volume de carros, motos e quadriciclos dentro da vila, alguns com velocidade um pouco alta para o local.

Aproveitem o pôr do sol de Jeri, o clima, a vibe, a noite...

"Acesso ao ponto turístico"

Enviada por Eva Viana de Sousa

em 2019 e achou Péssimo

Muito Linda
Muito Linda Enviada por Elisa
Que Jericoacoara é um lugar belíssimo isso é indiscutível, porém deveriam melhorar o acesso para visitar a pedra furada, uma vez que, a descida é péssima, perigosa, pedras escorregadias sem nenhuma estrutura pode causar acidentes e até mortes. 

No último final de semana, 28 a 30 de junho de 2019, fomos conhecer o local e quase que voltávamos pra casa com mortos - meu esposo e meu cunhado ficaram feridos ao descer para a pedra. 

No local não há placas de advertência, não tem um guia para auxiliar. Apenas querem lucrar com informações não condizem com a realidade, lamentável, mas quem for para Jericoacoara não vá para pedra furada, pois é realmente uma furada.

"Jeri e sua vibe"

Enviada por Leticia

em 2019 e achou Excelente!

Estive com meu marido e mais um casal de amigos neste mês de outubro em Jeri. Adoramos tudo lá, é uma vila simples, muito segura e aconchegante. Essa vila tem uma energia inexplicável, renova a alma da gente. 

Comida tem para todos os gostos e bolsos, mas todas muito saborosas. A praia principal é limpa e de águas cristalinas. Vi nos comentários que tem lugares que cobram para ficar nos sombreiros das árvores, ficamos no bar do Alexandre que tem uma boa estrutura e não cobra por ficarmos lá o dia inteiro. 

Quanto ao acesso é mais difícil por ser um parque nacional, mas se você quiser ir com um pouco mais de conforto e tranquilidade sugiro alugar um transfer 4x4 que te pega no aeroporto e te deixa na porta do hotel , sim é mais caro porém é bem mais confortável, não tem esse transtorno de ônibus, Van e depois uma jardineira. 

Ficamos na pousada Vento de Jeri, simples, limpa , café muito bom e um ótimo atendimento. Se forem conhecer a pedra furada sugiro ir pels beira mar é linda a paisagem , porém é mais longe do que ir pelo morro do serrote. 

Vale muito a pena conhecer Jeri, com certeza voltarei a este lugar que tem a sua magia, povo muito simples e acolhedor , pessoas muito honestas em comparação a outros lugares do Brasil. Vale muito a pena , simplesmente amei Jeri

"Jeri e seus encantos..."

Ilka Oliveira

Enviada por Ilka Oliveira

Foi a dois em 2014 e achou Excelente!

A Lagoa do Paraíso!
A Lagoa do Paraíso! Enviada por Ilka Oliveira
Eu já tinha lido muito sobre esse lugar mágico, mas só indo lá pessoalmente para entender e ver os encantos de Jeri.

Vou tentar dar dicas bem esclarecedoras e sinceras.

Como fazer para chegar nesse paraíso?

As principais opções são: pegar um ônibus que sai de Fortaleza que para em Jijoca de Jericoacoara (município que abriga o Parque de Jericoacoara). De Jijoca, os turistas seguem de pau de arara ou jardineira para entrarem em Jeri. É a opção mais barata para quem está sozinho ou está viajando em casal. Em média, o ônibus sai por 60 reais.

A outra opção é ir numa hilux 4x4, que te busca no aeroporto, e vai direto para Jeri. Há várias empresas que fazem esse transfer. A média de preço está na faixa de 450 reais. Se você está viajando com mais de uma pessoa, é a melhor opção, porque dá para dividir, e o trajeto é um pouco mais rápido. Muitas empresas, antes de chegarem em Jeri, passam por lindas praias cearenses, pouco exploradas pelo turismo. Só que esse transfer, passando pela via costeira, já fica mais caro, em torno de 800 reais. Não fiz esse transfer pelas praias, fui direto para Jeri, mas como eu disse, se você está com mais de uma pessoa, vale a pena, pois as praias incluídas neste roteiro são lindas. O transfer passando pela via costeira também pode ser feito de Jeri até Fortaleza. Só um esclarecimento: 450 reais incluem só a ida, a volta não. Se for pela via costeira, a média de 800 reais também é só a ida.

Em Jeri, há várias pousadas, desde as mais simples até as mais modernas. Vai do gosto de cada um. Como eu gosto de fazer passeios todos os dias, eu escolhi uma pousada simples, mas bem localizada, perto do centrinho de Jeri. Se você quiser relaxar mais, curtir uma piscina, etc, também há pousadas e hotéis ótimos para isso.

Jeri é um parque ecológico muito preservado, e não se trata só de uma praia (como eu pensava anteriormente), e sim, belezas naturais situadas numa região.

A praia principal de Jericoacoara, perto da vila, tem como principal atrativo a Duna do Pôr do Sol. Esta enseada não é tão bonita como as outras atrações da região, porém, o seu pôr do sol realmente é lindíssimo. Você pode apreciá-lo do alto da imensa duna que ali se encontra, ou mesmo da praia. Aprecie pelo menos uma vez o pôr do sol de Jeri. Com certeza, você não vai se arrepender. Depois do pôr do sol, há uma apresentação de capoeira na praia, que complementa esse momento mágico.

A Praia da Malhada é um pouco mais afastada do centro de Jeri, mas dá para ir caminhando para chegar lá. A praia é linda, muito bem preservada. Não tem barracas, restaurantes, ou coisas do tipo. Dá para tomar um banho de mar maravilhoso, estender a canga embaixo dos coqueiros que tem por lá, e relaxar. Tudo é bem natural. Não se esqueça de levar água e outras coisas que forem necessárias.

A Pedra Furada é uma formação geológica realmente muito incrível. É uma obra natural da mãe natureza. Vale a pena ver, mas...tem que fazer um esforço para chegar lá. Opções: você vai caminhando da Praia da Malhada até a Pedra (em torno de uma hora e meia); ou você pega um buggy que deixa próximo à Pedra (mas mesmo assim, o buggy para num ponto que você tem que caminhar pelo menos uns quarenta minutos até lá); ou ainda, você pode ir de charrete que sobe uma espécie de serra, que para num determinado ponto, e de lá você desce, até chegar à Pedra, em torno de 10 minutos. Essa descida/subida é bem cansativa. Vale a pena, mas como eu disse, tem que fazer um esforço, e ter preparado físico.

As lagoas de Jeri são uma atração à parte. Uma dica é conhecer as lagoas Azul e a do Paraíso no mesmo dia. O roteiro também pode passar pela árvore da preguiça e pelas maravilhosas dunas do Parque de Jeri. Geralmente, o passeio da Lagoa da Torta é feito em outro dia, e o roteiro inclui mangues secos, dunas, observação de cavalos marinhos num riozinho que tem por lá, visita ao município de Tatajuba, antes de chegar à Lagoa da Torta. A Lagoa do Paraíso, atualmente, é a mais bonita das lagoas. Uma dica: se quiser ficar só na lagoa do Paraíso, negocie com motoristas de caminhonetes que ficam no centro de Jeri, pois o preço sai mais em conta. A lagoa do Paraíso é grande, por isso, se preferir mais sossego, procure o lado menos badalado da lagoa. Todas as lagoas de Jeri têm redes dentro da água. Tomar sol nas redes das lagoas de Jeri é sensacional: você vai se sentir no paraíso!

A noite na vila de Jeri é muito boa. O céu estrelado de Jeri é lindo. Há barzinhos com músicas ao vivo, lojinhas, tem o dia do forró, tem o dia do samba, etc. Você pode ir a todos os lugares a pé, pois tudo é perto. Você faz amizades, conhece outras pessoas, muitas delas de outros países (há milhares de estrangeiros em Jeri), enfim, o astral de Jeri é ótimo. As ruas de Jeri são de chão de areia, por isso, nada de saltos, só chinelinho, roupas leves, simples. Não precisa lotar a mala. Leve o básico.

Uma dica importante é levar dinheiro em espécie. As pousadas, lojas e restaurantes aceitam cartões, mas os passeios só são pagos em dinheiro. Dá para sacar dinheiro nos Correios de Jeri (mas pouco), ou em Jijoca, que tem caixas eletrônicos. Em Jeri não há caixas eletrônicos, por isso, vá preparado.

Jeri é um lugar lindo, que te conquista aos poucos, e deixa uma saudade incrível depois. Vale a pena conhecer esse pedacinho do paraíso.

Boa viagem!
Mais dicas

Mais informações e atrações de Jericoacoara

Copyright 2000-2021 Férias Brasil©