Imbassaí

  • Barracas na praia - Um paraíso! Barracas na praia - Um paraíso!
    Enviada por DÉIA
  • Praia de Imbassaí - Praia tranquila e paradisíaca! Praia de Imbassaí - Praia tranquila e paradisíaca!
    Enviada por elise
  • Praia de Imbassaí - Praia paradisíaca! Tranquila! Perfeita! Praia de Imbassaí - Praia paradisíaca! Tranquila! Perfeita!
    Enviada por Dal

Porque Ir

Imbassaí é a primeira praia da Linha Verde, como é chamada a bela estrada litorânea que liga a Bahia ao Sergipe. Distante apenas 10 quilômetros da Praia do Forte, o vilarejo é o oposto do vizinho (ambos pertecem ao município de Mata de São João) no quesito tranquilidade e rusticidade. Em comum, a agradabilidade das praias contornadas por coqueirais - e, em Imbassaí, ainda tem dunas gigantescas e um riozinho perfeito para banhos de água doce. 

No centrinho do povoado, em meio aos cajueiros, pousadinhas, restaurantes e lojinhas se espalham por duas quadras. Os bares, que costumam ter música nas noites de sábado, também ficar por ali.

Barraquinhas rústicas espalham mesas pertinho do rio e do mar

Vários riachos são formados ao longo dos seis quilômetros de orla sem tráfego de veículos. Na maré cheia, porém, para chegar à praia que dá nome à vila é preciso utilizar as pinguelas de madeira ou as pequenas embarcações que fazem a travessia - a viagem é curtinha, mas vale a pena! 

Aproveitando a variedade, as barraquinhas simples espalham suas mesas próximas do mar e também do rio Barroso, em especial no canto direito da praia, onde fica a foz. Ao cliente, basta somente escolher em que água se banhar. 

No rio, é possível alugar caiaque e stand up paddle. Depois de petiscar na praia, almoce no restaurante do Zoião, no Caminho da Jangada - a boa é o vermelho assado na brasa com banana da terra. 

Para conhecer a isolada praia de Santo Antônio, uma das mais bonitas da região, é preciso seguir até à Vila de Diogo, a cinco quilômetros. De lá, uma trilha de um quilômetro em meio às dunas - vencida em cerca de 20 minutos - termina na praia emoldurada por coqueiros e areias brancas. 

Na comunidade de pescadores instalada em Diogo encontra-se um belo artesanato - são bolsas e jogos americanos feitos a partir da palha, que é trançada e tingida. As peças podem ser encontradas também no restaurante Sombra da Mangueira, que serve uma das moquecas mais famosas e cobiçadas da região.


Copyright 2000-2020 Férias Brasil©