Crôa do Goré e Ilha dos Namorados (SE)

Crôa do Goré e Ilha dos Namorados (SE)

Ilhotas surgem na maré baixa, no meio das águas do rio Vaza Barris, em Aracaju

09 de Maio de 2017

Passeios de barco, lancha e catamarã levam às ilhas de areias branquinhas, formadas somente na maré baixa, no rio Vaza Barris, ao sul de Aracaju. Mais conhecida, a Crôa do Goré é acessível através de passeios em embarcações que partem da Orla do Pôr do Sol, na praia do Mosqueiro. A viagem dura entre 10 e 15 minutos, revelando manguezais nativos, pequenas ilhas fluviais e vegetação preservada. 

Para atender os visitantes – que lotam o espaço nos fins de semana -, bares flutuantes servem peixe-frito, pastéis de camarão e caldinhos em barracas rústicas de sapé. Pranchas de stand up-paddle e caiaques também estão à disposição e são ótimos passeios para apreciar a paisagem, que aparece e desaparece de acordo com a maré. 

Já a Ilha dos Namorados, menos explorada, não conta com nenhuma estrutura, além das areias brancas e da água quentinha. Comidas e bebidas são oferecidas pelos próprios catamarãs que fazem o passeio. E eles capricham nas mordomias! São boias, redes, mesas, cadeiras, almofadas, barracas, frescobol, bar de praia... tudo montado na hora para a turma relaxar. 

Agências locais, como a Crôa do Goré, oferecem passeios de catamarã que incluem os dois atrativos.  

Fotos
César de Oliveira

Veja também: Descobrindo Aracaju


Gracie Croce

Jornalista, adora viajar e descobrir novos lugares. O que não impede de voltar àqueles por onde andou...

Outras Postagens
Ver Mais Postagens
+ Ideias de Viagens
Copyright 2000-2017 Férias Brasil© Todos os direitos reservados.