Visitar os alambiques

  • Maria Izabel, em pessoa, explica a produção! Maria Izabel, em pessoa, explica a produção!
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Comida Comida
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Cachaça Maria Izabel Cachaça Maria Izabel
    Enviada por sergio mattioda
  • Casa da farinha dentro do alambique Casa da farinha dentro do alambique
    Enviada por arnaldo
Por Editoria Férias Brasil
Há sete alambiques principais na cidade, vale a pena visitar ao menos um! O mais artesanal de Paraty é o Maria Izabel, que produz a cachaça de mesmo nome em barris de carvalho e jequitibá.A apresentação dos produtos é feita pelo própria Maria Izabel. Por lá, ainda chamam a atenção a decoração e a localização – no meio da mata, fica de frente para a Baía de Paraty. Já o Engenho D’Ouro produz aguardentes que fazem sucesso mundo afora, como em Belo Horizonte e Bruxelas. O alambique faz parte de um conjunto que inclui restaurante e uma casa de farinha.

Ainda no roteiro da cachaça estão os alambique Coqueiro - o mais antigo e é tocado pela mesma família há cinco gerações; Corisco, um dos mais famosos, caracteriza-se pelas cachaças fortes; Paratiana, da cachaça Gabriela (com cravo e canela); Pedra Branca, bem-estruturado; e Maré Cheia, com cachaças populares. 

Maria Izabel: Rio-Santos, Km 568 (direção Rio). Agendamento pelo telefone: (24) 99999-9908
Engenho d’Ouro: Estrada para Cunha, Km 8. Tel: (24) 99905-8268 
Coqueiro: Rio-Santos, Km 583 (direção Ubatuba). Tel (24) 3371-0894
Paratiana: Estrada da Pedra Branca, Km 1. Tel (24) 3371-6329
Pedra Branca: Estrada da Pedra Branca, Km 1. Tel: (24) 97835-4065
Maré Cheia: Estrada do Jacu. Tel (24) 3371-9377 

Mais informações e atrações de Paraty

Copyright 2000-2021 Férias Brasil©