• Oásis no centro de Belo Horizonte. Oásis no centro de Belo Horizonte.
    Enviada por Carlos
  • Visão lateral Igreja da Pampulha Visão lateral Igreja da Pampulha
    Enviada por PEDRO DE S CAMPOS
  • E o azul? E o azul?
    Enviada por JOSE AMAURI DANTAS
  • Um verde exuberante. Um verde exuberante.
    Enviada por JOSE AMAURI DANTAS
  • Por do Sol na Pamplulha, lindo demais! Por do Sol na Pamplulha, lindo demais!
    Enviada por Aline Dornelas
  • Casa do Baile é cenário para exposições temporárias Casa do Baile é cenário para exposições temporárias
    Enviada por Marcílio Gazzinelli (Belotur)
  • Bela Pampulha Bela Pampulha
    Enviada por Leandro Armando
  • Lagoa da Pampulha Lagoa da Pampulha
    Enviada por Nailton Suzarte
  • Vista do Mineirão e Mineirinho. Lindo local. Vista do Mineirão e Mineirinho. Lindo local.
    Enviada por Vívian Marçal.
  • Árvore de Natal Flutuante. Árvore de Natal Flutuante.
    Enviada por Carmem
  • Igreja da Pampulha. Linda construção. Igreja da Pampulha. Linda construção.
    Enviada por Carmem
  • Um lugar inesquecível! Um lugar inesquecível!
    Enviada por Laís
  • A Lagoa. Não se pode deixar de conhecer. A Lagoa. Não se pode deixar de conhecer.
    Enviada por Laís
  • Capivara - Natureza na Pampulha Capivara - Natureza na Pampulha
    Enviada por Francisco
Por Editoria Férias Brasil
O entorno da lagoa da Pampulha reúne o mais belo conjunto arquitetônico da capital mineira. Por lá estão as três primeiras obras assinadas pelo mestre Oscar Niemeyer, projetadas na década de 40: Museu de Arte da Pampulha, instalado no prédio onde funcionava um cassino; Casa do Baile, um espaço para exposições que, inicialmente, abrigaria um restaurante e um salão de festas; e a igreja de São Francisco de Assis, principal cartão-postal da cidade, ornamentada por 14 painéis de azulejo de autoria de Cândido Portinari retratando a Via Sacra. Todo o espaço é contornado por jardins criados por Burle Marx.

Para visitar o conjunto modernista e os parques do entorno da lagoa, a dica é usar o ônibus circular da Pampulha, a linha 512, inaugurada em 2016. A rota tem início na Estação Pampulha do MOVE. Dali a linha alimentadora 512 leva ao Museu de Arte da Pampulha. Em seguida, o ônibus começa o contorno da lagoa na direção oposta, passando pela Casa do Baile, chegando relativamente perto do Mineirão, seguindo até a Igrejinha da Pampulha, dali ao Parque Ecológico da Pampulha e finalmente à Fundação Zoo-Botânica, onde estão o Zoológico, o Jardim Botânico e o Aquário da Bacia do São Francisco. No Zoológico, o circular volta pela mesma margem da Lagoa, até o ponto final na Estação Pampulha. O ônibus circular da Pampulha opera de terça a domingo entre 9h e 18h. Nos fins de semana e feriados, os ônibus saem da Estação Pampulha a cada 50 minutos. Nos dias úteis, a cada 90 minutos.

Outra dica é usar o Pampulha Retrô Tour. O charmoso passeio é feito em uma jardineira Chevrolet dos anos 50 - contemporânea dos prédios de Niemeyer e dos jardins de Burle Marx - e leva o público aos principais atrativos turísticos da região, entre eles a Igrejinha São Francisco de Assis, o Museu de Arte da Pampulha, a Casa do Baile, Casa Kubitscheck, Parque Ecológico e o Iate Tênis Clube.  O tour é operado aos sábados, domingos e feriados. As saídas são da Igrejinha da Pampulha (onde são vendidos os tíquetes), de hora em hora, das 10h 12h e das 14h às 17h. O passe de R$ 20 dá direito a quatro embarques/desembarques no atrativo que escolher, além dos serviços de um guia, que fica no veículo contando histórias e curiosidades sobre a região e seus monumentos. Vendas e informações: (31) 3482-2739.

Dicas dos Viajantes

"Um lugar pra relaxar!"

Enviada por Laís

com a família em Maio/2009 e achou Excelente!

Para quem gosta da natureza e belas paisagens a Lagoa da Pampulha é uma excelente escolha! Além de contar, é claro ,com as obras belíssimas de Oscar Niemayer!

Mais informações e atrações de Belo Horizonte

Copyright 2000-2019 Férias Brasil©